SAMAMBAIAS DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS, UNIDADE IBIRITÉ, MINAS GERAIS, BRASIL

Gevanessy Roberto Barbosa, Hamilton Matos de Queiroz, Cecília Vieira Miranda, Lívia Constâncio de Siqueira

Resumo


A Floresta Atlântica é composta por formações florestais nativas sendo um dos principais biomas no Brasil, já o Cerrado é um bioma estratégico, em virtude de sua diversidade e fonte para a economia. Minas Gerais está na faixa de transição destes dois biomas o que faz com que sua flora e fauna tenham aspectos bem diversificados.  As Samambaias apresentam uma função importante no ecossistema, além de inúmeras utilidades no contexto social. Mesmo com poucos estudos realizados sobre as Pteridófitas elas estão se tornando fundamentais nas áreas da fitorremediação, indústrias químicas e farmacêuticas. Este trabalho teve como objetivo realizar o levantamento das Samambaias localizadas na Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG), Unidade Ibirité,  Minas Gerais. Foram realizados os levantamentos florísticos através de técnicas usuais em Botânica. Identificou-se seis espécies de Samambaias, resultados estes que contribuíram para o conhecimento da flora de Pteridófitas da Unidade.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Interdisciplinar Sulear