A influência do capital cultural no desempenho escolar

Andreza Olivieri Lopes Carmignolli, Luci Regina Muzzeti, Laís Inês Sanseverinato Micheleti, Andreza Marques de Castro Leão

Resumo


Este trabalho é um recorte do projeto de pesquisa intitulado A influência dos capitais cultural, social e econômico no sucesso da trajetória escolar, que tem como objetivo comparar o desempenho escolar dos alunos do ensino médio, de uma escola pública da rede estadual de ensino do município de Araraquara/SP, com as funções e relações que a escola tem para cada fração de classe. Essas funções são observadas nos mecanismos de transformações sociais e culturais. Os estudos de Pierre Bourdieu nortearam o trabalho, a partir dos conceitos de habitus, ethos, capital cultural, capital social e estratégias de reprodução. A pesquisa está sendo feita com base em uma abordagem qualitativa, tendo como objetivo analisar os conceitos de capital econômico, capital cultural, capital social e habitus, desenvolvidos no interior da família frente à cultura escolar e à reestruturação desse habitus.


Palavras-chave


Desempenho Escolar. Papel da Escola. Capital Cultural. Avaliação

Texto completo:

PDF

Referências


BLOOM, B. S.; HASTINGS, J. T.; MADAUS, G. F. Manual de avaliação formativa e somativa do aprendizado escolar. São Paulo: Livraria Pioneira Editora, 1983.

BOURDIEU, P. Gosto de classe e estilo de vida. In: ORTIZ, R. (Org.). Sociologia. São Paulo: Ática, 1983. v. 39, p. 82-121.

_______. Espaço social e poder simbólico. In: _______. Coisas ditas. Tradução de Cássia R. da Silveira e Denise Moreno Pegorim. São Paulo: Brasiliense, 1990. p. 149-168.

_______. A Escola Conservadora: as desigualdades frente à escola e à cultura. In: ______. Escritos da Educação. Petrópolis: Vozes, 2003. p. 41-64.

_______. Os três estados do capital cultural. In: NOGUEIRA, M. A.; CATANI, A. (Org.). Escritos de educação. Tradução de Magali de Castro. Rio de Janeiro: Vozes, 1998a. p. 71-80.

_______. Futuro de classe e causalidade do provável. In: NOGUEIRA, M. A.; CATANI, A. (Org.). Escritos de educação. Tradução de Magali de Castro. Rio de Janeiro: Vozes, 1998b. p. 81-126.

COSTA, A. F.; LOPES, J. T. (Coord.). Os Estudantes e os seus Trajectos no Ensino Superior: Sucesso e Insucesso, Factores e Processos, Promoção de Boas Práticas. Relatório final, 2008. Disponível em: . Acesso em: 04 mar. 2016.

LAHIRE, B. O sucesso escolar nos meios populares: as razões do improvável. São Paulo: Ática, 1997.

LEMES, S. S. A avaliação educacional e escolar revisitada e a reflexão pontual de conceitos, fundamentos e indicadores frente às demandas para a escolarização atual. In: RIBEIRO, R. R.; LEMES, S. S.; MONTEIRO, S. A. I. Avaliação e gestão escolar: reflexões e pesquisas educacionais. São Carlos: Rima, 2010. p. 65-78.

MARCONI, M. A.; LAKATOS, E. M. Técnicas de pesquisa. São Paulo: Atlas, 1999.

MUZZETI, L. Trajetória social, dote escolar e mercado matrimonial: um estudo de normalistas formadas em São Carlos nos anos 40. 1997. 174 f. Tese (Doutorado) – Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 1997.

PORTES, E. A. O trabalho escolar das famílias populares. In: NOGUEIRA, M. A.; ROMANELLI, G.; ZAGO, N. Família e escola: trajetórias de escolarização em camadas médias e populares. Petrópolis: Vozes, 2000. p. 61-80.

SÃO PAULO. Secretaria de Educação. Currículo do Estado de São Paulo: Ciências da Natureza e suas tecnologias. São Paulo, 2010.




DOI: http://dx.doi.org/10.24934/eef.v22i38.2919

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Andreza Olivieri Lopes Carmignolli, Luci Regina Muzzeti, Laís Inês Sanseverinato Micheleti, Andreza Marques de Castro Leão