Samblues de Juarez Moreira: o idiomatismo de um compositor instrumentista

Autores

  • Gustavo Bracher Universidade do Estado de Minas Gerais

Palavras-chave:

Violão, Composição, Idiomatismo, Guitar, Composition, Idiomatic

Resumo

Resumo

Este trabalho apresenta uma análise da transcrição da obra Samblues, de Juarez Moreira, em sua versão para violão solo, presente no CD Riva, de 2010, pelo selo Beso Brasil, visando principalmente caracterizar o estilo do compositor e os aspectos de sua abordagem do violão que consideramos particularmente idiomática. Essa obra foi originalmente composta em 1987 para violão (acompanhamento), guitarra (solo), baixo, bateria e teclado e é a faixa título do álbum homônimo lançado em 1997. Segundo o próprio compositor, muitos de seus trabalhos surgem do idiomatismo do violão solo, afeito às texturas que unem melodias e acompanhamentos tocados simultaneamente, embora surjam também vários exemplos de utilização de técnicas originárias da guitarra elétrica, outro instrumento que o compositor domina com maestria. Suas obras são ligadas à prática instrumental do violão e da guitarra elétrica e seu uso na música tonal de matriz “popular”. Esses elementos podem ser considerados idiossincrasias composicionais de um compositor, apresentando um modo particular de organizar e desenvolver ideias musicais, consolidando um idiomatismo autorreferencial.


Abstract


This work presents an analysis of the transcription of Samblues, by Juarez Moreira, in his solo guitar version, present on the CD Riva, 2010, by the label Beso Brasil, aiming mainly to characterize the style of the composer and aspects of his approach to the guitar which we consider particularly idiomatic. This work was originally composed in 1987 for guitar (accompaniment), guitar (solo), bass, drums and keyboard and was released in 1997. According to the composer himself, many of his works arise from the language of solo guitar, with melodies and accompaniments played simultaneously, although also arise several examples of the use of techniques originating from the electric guitar, another instrument that the composer masters. His works are linked to the instrumental practice of the acoustic guitar and electric guitar. These elements can be considered as compositional idiosyncrasies of a composer, presenting a particular way of organizing and developing musical ideas, consolidating a self-referential idiom.

Biografia do Autor

Gustavo Bracher, Universidade do Estado de Minas Gerais

MNS

Downloads

Publicado

01/03/2019

Edição

Seção

Artigos