BOSQUEJO PICTÓRICO – O SIMULACRO ARQUITETÔNICO NA MATRIZ DIVINA PASTORA EM SERGIPE DURANTE O PERÍODO COLONIAL

Autores

  • Magno Moraes Mello Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

Palavras-chave:

Falsa Arquitetura, Pintura, Barroco

Resumo

Resumo: Esta análise tem como objetivo fulcral chamar a atenção para o estudo das pinturas ilusionísticas no Brasil durante o período colonial. Uma “forma decorativa” que se espalha por todo o país, com diferenças morfológicas e culturais que merecem uma pesquisa específica e mais determinada. O texto procura evidenciar as pinturas ilusionistas existentes na nave, na capela-mor, na sacristia e no coro baixo da Matriz Divina Pastora, em Divina Pastora, no Estado de Sergipe. Uma preciosidade no que diz respeito ao ilusionismo arquitetônico. Nossa intenção foi a de analisar os aspectos formais e não entrar em polêmicas sobre autoria. Neste último caso deixaremos para uma próxima oportunidade. As pinturas perspécticas no Brasil Colonial são de qualidade técnica, com grande expressão em sua mensagem historiada e narrativa. Nosso foco principal foi estudar os efeitos perspécticos e aproximar sua morfologia ao tratado Perspectiva Pictorum do trentino Andrea Pozzo.
Palavras-chave: Divina Pastora, Sergipe, Pintura ilusionista, Falsa Arquitetura, Forro de Teto;

Abstract: This analysis has as main objective to call attention to the study of illusionistic paintings in Brazil during the colonial period. A "decorative shape" that spreads throughout the country, with morphological and cultural differences that deserve specific and more determined research. The text seeks to highlight the illusionist paintings on the nave, in the chancel, in the sacristy and in the low choir of the Matriz Divina Pastora, in Divina Pastora, in the State of Sergipe. A gem when it comes to architectural illusionism. Our intention was to analyze the formal aspects and not get into controversies about authorship. In the latter case, we will leave it for the next opportunity. The perspective paintings in Colonial Brazil are of technical quality, with great expression in their historical and narrative message. Our main focus was to study the perspective effects and bring its morphology closer to the Perspectiva Pictorum treatise by the trentino Andrea Pozzo.

Keywords: Divina Pastora, Sergipe, Illusionist painting, False Architecture, Ceiling Lining

Recebido em: 27/07/2020 – Aceito em 11/08/2020

Biografia do Autor

Magno Moraes Mello, Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

Possui graduação em História pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Belo Horizonte (1983); especialização em Crítica de Arte e Museologia pela Università Internazionale dell'Arte de Florença (1990); mestrado em História da Arte pela Universidade Nova de Lisboa (1997); doutorado em História da Arte pela Universidade Nova de Lisboa (2002); pós doutorado em História da Arte pela Università degli Studi di Firenze (2012); pós doutorado em História da Arte pela UNICAMP (2020). Atualmente é professor (Associado III) de História da Arte da Universidade Federal de Minas Gerais. Está vinculado ao Departamento de História (FAFICH) e pertence a Linha História Social da Cultura. Lidera o grupo de pesquisa intitulado Perspectiva Pictorum (desde 2006) responsável pela investigação sistematizada em uma base de dados sobre a pintura Barroca/Rococó no Brasil; pertence ainda ao grupo de pesquisa intitulado Architectural Perspective: digital preservation content access and analytics (desde 2012), sediado na Università degli Studi di Roma (La Sapienza). Este grupo tem como objetivo pesquisas referentes à pintura de falsa arquitetura e estudos sobre tratados de pintura e de perspectiva, entre a Europa e o Brasil. Tem experiência na área de História da Arte privilegiando as abordagens entre os séculos XVII e XVIII. Atua principalmente nos seguintes temas: pintura de falsa arquitetura (quadratura) barroca; forros barrocos e rococós; estudos dos tratados de perspectiva e de pintura do tempo do barroco no universo luso brasileiro. Pesquisador e colaborador na Università degli Studi di Firenze. Tem experiência na área de História da Arte da Idade Moderna, atuando principalmente nos seguintes temas: arte barroca, arte e história, arte e cultura, arte colonial e história da arte. Atualmente é bolsista Pesquisador Mineiro pela FAPEMIG e bolsista Produtividade CNPQ. 

Downloads

Publicado

10/12/2020

Como Citar

Mello, M. M. (2020). BOSQUEJO PICTÓRICO – O SIMULACRO ARQUITETÔNICO NA MATRIZ DIVINA PASTORA EM SERGIPE DURANTE O PERÍODO COLONIAL. Linguagens Nas Artes, 1(2), 89–97. Recuperado de https://revista.uemg.br/index.php/linguagensnasartes/article/view/5174

Edição

Seção

RELATO DE EXPERIÊNCIA (Curadoria, Performance, Exposições, Concertos)