Avaliação de Políticas Públicas de TIC no Brasil: uma abordagem supradisciplinar

Autores

  • Angela Maria Alves Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer - CTI
  • Clenio Figueiredo Salviano Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer - CTI
  • José Augusto de Lima Prestes Fundação de Apoio à Capacitação em Tecnologia da Informação – Facti
  • Claudio de Almeida Loural Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer – CTI
  • Giovanni Moura de Holanda Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer – CTI

Palavras-chave:

Políticas públicas, TIC, metodologia de avaliação, pensamento sistêmico

Resumo

Para o direcionamento das políticas públicas voltadas à difusão e ao uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC), é fundamental uma abordagem analítica que permita avaliar resultados e impactos de forma integrada. Tal abordagem deve ser essencialmente supradisciplinar e transversal, levando em conta a efetividade dos programas, o ecossistema de inovação, as particularidades dos vários setores envolvidos no uso das TIC, bem como o panorama nacional de políticas públicas. As iniciativas setoriais podem ser otimizadas valendo-se de uma metodologia de avaliação e gestão capaz de congregar os vários programas e mecanismos hoje existentes, apontando ações sinérgicas, promovendo o alinhamento da cadeia produtiva na transformação digital mundialmente em curso e a construção de uma sociedade da informação e do conhecimento inclusiva no país.

Biografia do Autor

Angela Maria Alves, Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer - CTI

PhD em Tecnologia da Informação pela USP/POLI (2013) e Mestre em Qualidade pela Unicamp/Faculdade de Engenharia Mecânica (2002). Atualmente é pesquisadora do Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer - CTI. angela.alves@cti.gov.br

Clenio Figueiredo Salviano, Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer - CTI

PhD em Engenharia da Computação pela Unicamp (2006). Mestre e graduado em Ciência da Computação pela UFMG em 1986 e 1984. Atualmente é pesquisador do Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer - CTI. clenio.salviano@cti.gov.br

José Augusto de Lima Prestes, Fundação de Apoio à Capacitação em Tecnologia da Informação – Facti

Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais (PUCCAMP, 2004). MBA em Gestão Empresarial (FGV, 2007) e em Direito Contratual (FGV, 2011). Mestrando em Política Científica e Tecnológica pela Unicamp. Gerente de Projetos na FACTI. jose.prestes@facti.com.br.

Claudio de Almeida Loural, Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer – CTI

Mestre em Ciências dos Materiais pelo IME (1979) e Bacharel em Física pela PUC-Rio (1976). Pesquisador e consultor. Atualmente é pesquisador bolsista de Capacitação Institucional no Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer – CTI. claudio.loural@cti.gov.br

Giovanni Moura de Holanda, Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer – CTI

Mestre em Engenharia Elétrica (Unicamp, 1992) e Engenheiro Eletricista (UFPB, 1983). Pesquisador e consultor. Atualmente é pesquisador bolsista de Capacitação Institucional no Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer – CTI. giovanni.holanda@cti.gov.br

Publicado

31/03/2020

Como Citar

Alves, A. M., Salviano, C. F., Prestes, J. A. de L., Loural, C. de A., & Holanda, G. M. de. (2020). Avaliação de Políticas Públicas de TIC no Brasil: uma abordagem supradisciplinar. Perspectivas Em Políticas Públicas, 10(1). Recuperado de https://revista.uemg.br/index.php/revistappp/article/view/1798

Edição

Seção

Artigos