Sobre a Revista

Foco e Escopo

A revista Educação em Foco é um periódico científico que tem como finalidade socializar resultados e contribuições de pesquisas e de estudos sobre temáticas candentes do campo educacional na atualidade e em outros momentos históricos. Compreende as questões educacionais brasileiras e de outras partes do mundo como questões complexas, multifacetadas, que exigem abordagens e contributos de diversos campos de conhecimento das ciências humanas.

Publica textos originais, como dossiês, artigos e resenhas que abordam questões relacionadas ao campo educacional em seus diferentes níveis de ensino.

Processo de Avaliação pelos Pares

Sobre o processo de avaliação dos trabalhos:

Todos os trabalhos submetidos passarão por uma avaliação inicial, que contempla:
1) Análise antiplágio. Havendo qualquer ocorrência que possa caracterizar plágio, os autores serão imediatamente informados e o processo avaliativo suspenso.
2) Verificação de todos os itens para avaliação inicial de trabalhos, contemplando todas as diretrizes para autores.
3) Verificação da pertinência do texto à linha editorial e ao escopo da Revista. Textos em desacordo com qualquer desses itens serão recusados pela Comissão Editorial.

A etapa seguinte consiste na avaliação por pares. Os trabalhos que atenderem aos itens acima serão encaminhados às cegas a pelo menos dois avaliadores (de instituições e região diferentes das dos autores), que se orientarão por um questionário de avaliação.

Para permitir a avaliação às cegas, por parte dos pareceristas, é imprescindível que a versão enviada do trabalho não tenha identificação de autoria, inclusive no corpo do texto, rodapé, referências ou nas propriedades do arquivo. Nas citações e referências de obras dos próprios autores, deve se usar (AUTOR1, ano) apenas, sem apresentar título ou outras informações sobre a publicação, para preservar o anonimato.

O resultado da avaliação feita pelos avaliadores pode ser:

a) Aceitar: o avaliador poderá, a seu critério, fazer ou não comentários sobre o texto.

b) Solicitar modificações: o avaliador deverá apontar possíveis alterações a serem realizadas antes da publicação, com anotações no corpo do texto e/ou em relatório anexo. O texto não retornará ao avaliador, ficando a cargo da Comissão Editorial verificar se as pendências foram sanadas pelo autor durante o prazo especificado, assim como determinar a publicação ou não do texto.

c) Rejeitar: o avaliador deverá apontar os itens que levaram à reprovação do texto, podendo apresentar sugestões para a sua melhoria, visando futuras submissões.

Cabe destacar que o Conselho Editorial e o corpo de Avaliadores são compostos por pesquisadores mestres e doutores vinculados à UEMG ou a outras instituições de ensino superior no Brasil e de outros países.

Neste periódico, a média de tempo de avaliação dos trabalhos tem sido de doze meses. Da aprovação à publicação a média tem sido de cinco meses.

Periodicidade

Quadrimestral.

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...

Redes sociais

Classificação Qualis CAPES

e-ISSN 2317-0093

Classificação 2013-2016

  • Área: Artes

      Estrato: B3

  • Área: Educação

      Estrato: C

  • Área: Ensino

      Estrato: B2

  • Área: Linguística e Literatura

      Estrato: B4

  • Área: Sociologia

      Estrato: B4

Classificação provisório (ainda não homologado) 2019

      Estrato: A4

ISSN 1519-3322 (impresso)

  • ÁreaEnsino

      Estrato: B2