Sobre a Revista

                                                                                                                                ISSN 2525-6041

A Revista Engenharia de Interesse Social – REIS está aceitando submissões de trabalhos para compor a primeira edição de 2022. Nosso periódico trabalha em fluxo contínuo de recebimento de textos, tendo como temática livre, respeitando os assuntos e as áreas do conhecimento que compõem o escopo do periódico. 

Recomendamos aos interessados que façam os seus cadastros e submetam os seus trabalhos.

 

CHAMADA DE ARTIGOS PARA O DOSSIÊ

 

Olhares transdisciplinares sobre o campo das engenharias no Brasil: emergência do protagonismo de cientistas negros e negras contra o epistemicídio e apagamento histórico decorrentes do racismo estrutural e estruturante das relações sociais.

 

Sob o prisma hegemônico a educação etnocêntrica e eurocêntrica, a restrição dos nomes de pessoas negras e indígenas que contribuíram para o desenvolvimento do país continua a ser recorrente nos currículos extremamente pautados pelo predomínio do caráter elitista da universidade brasileira. Tecendo os fios dessa crítica, encontram-se pesquisadores da UEMG que, engajados em construir outras narrativas, fomentam a emergência de vozes e histórias que fortaleçam a luta dos movimentos sociais negros e indígenas por reconhecimento e respeito, sem desprezar a importância de outros grupos sociais discriminados.

Para o exercício do diálogo e para o intercâmbio de conhecimentos sobre as questões de raça, classe e gênero, a Revista Engenharia de Interesse Social convida os seus leitores a submeterem artigos e relatos de experiências de implementação de ações afirmativas nas universidades públicas do Brasil.

Essa iniciativa da REIS parte do reconhecimento de que o campo das Engenharias no Brasil contou (e conta) com diversos nomes significativos que, pelo fato de serem negros, não foram citados devidamente na história brasileira. Pode-se destacar, dentre inúmeros outros, o legado dos irmãos Rebouças, que foram responsáveis por projetos que subsistem até os dias atuais. Em Minas Gerais, observa-se que as Engenharias e, em especial, a Engenharia de Minas e a Engenharia Metalúrgica também contaram com profissionais negros oriundos de países africanos que nos tempos do Brasil colônia possuíam conhecimento técnico e teórico na área. Esses profissionais negros foram responsáveis pelo desenvolvimento de tecnologias, pela construção de túneis, pela descoberta de pedras preciosas e pelo desenvolvimento, do setor minero-siderúrgico no estado.

Por se tratar de um periódico que objetiva identificar os interesses da sociedade sobre as Engenharias, a REIS publicará, nesse Dossiê, trabalhos que proporcionarão a ampliação do olhar sobre a historicidade brasileira, de modo a contribuir com a desconstrução de mitos, estereótipos e preconceitos sobre as relações étnico-raciais no Brasil, abordando de modo interseccional as dimensões de raça, classe e gênero. Assim, a Revista Engenharia de Interesse Social ratifica que o campo das ações afirmativas se configura enquanto um terreno fértil para o aprendizado contínuo e transdisciplinar e para políticas realizadas em diferentes instituições que potencializam uma sociedade mais justa e equânime.

Prazo de submissão: 30 de outubro 2022

 

Submeta seu artigo em: Revista Engenharia de Interesse Social (uemg.br)

Revista Engenharia de Interesse Social

Equipe REIS

(31) 98510-1759

ISSN 2525-6041

revista.engenhariasocial@uemg.br                           

Edição Atual

v. 7 n. 9 (2022): Revista Engenharia de Interesse Social - REIS
					Visualizar v. 7 n. 9 (2022): Revista Engenharia de Interesse Social - REIS
Publicado: 28/09/2022

Edição Completa

Editorial

Artigos Originais

Ver Todas as Edições